(...) "> (...) " />

"Amigos na Demência" chega a Portugal

A Associação Alzheimer Portugal lançou esta segunda-feira, Dia Internacional da Amizade, a campanha "Amigos na Demência", uma iniciativa integrada no movimento global "Dementia Friends", implementado em 17 países em todo o mundo.


A Associação Alzheimer Portugal lançou esta segunda-feira, Dia Internacional da Amizade, a campanha "Amigos na Demência", uma iniciativa integrada no movimento global "Dementia Friends", implementado em 17 países em todo o mundo.

O principal objetivo desta campanha consiste "em aumentar a compreensão sobre a demência no nosso país e convidar todos os cidadãos a comprometerem-se ativamente na melhoria do dia a dia das pessoas com demência", revela nota enviada às redações.

De acordo com José Carreira, presidente da Alzheimer Portugal, "combater o desconhecimento e o estigma associados à demência é fundamental, assim como aumentar o nível de consciencialização sobre a demência em Portugal. Queremos ajudar os portugueses a compreenderem como é que a demência afeta as pessoas e contribuir para alterar comportamentos que tornem a sociedade mais amiga das pessoas com demência".

E acrescenta: "esta realidade impele-nos a mudar a forma como pensamos, agimos e falamos sobre a demência e a convidar todos os cidadãos a tornarem-se Amigos na Demência".

Recorde-se que qualquer pessoa, de qualquer idade, pode ser Amigo na Demência. Para tal, basta aceder ao site da campanha ( www.amigosnademencia.org ), registar-se, visionar o vídeo para aprender um pouco mais sobre a demência e, de seguida, comprometer-se com uma ação, preenchendo o formulário de compromisso.

Tatiana Nunes, coordenadora do Departamento de Relações Públicas, explica que "ser Amigo é aprender um pouco mais sobre a demência e transformar essa aprendizagem em ação. Estas ações podem ser tão simples como não usar as expressões demente ou demenciado quando nos referimos a uma pessoa com demência, consciencializar os nossos familiares e amigos sobre os desafios que as pessoas com demência enfrentam, ou incentivá-los a tornarem-se Amigos na Demência. Qualquer ação, pequena ou grande, pode fazer a diferença no dia de qualquer pessoa".

"É importante que se compreenda que apesar de afetar sobretudo as pessoas mais velhas, a demência não faz parte do envelhecimento normal e é causada por alterações do cérebro. Como qualquer órgão do nosso corpo, o cérebro também pode ser afetado por doenças. Quanto aos principais sintomas, também é importante frisar que a demência não se resume à perda de memória", refere Catarina Alvarez, psicóloga e coordenadora de Projetos da Alzheimer Portugal.

Para assinalar o lançamento desta iniciativa, a Alzheimer Portugal realizou durante esta segunda-feira uma ação de sensibilização na Praia de Matosinhos, onde colaboradores e voluntários da associação tiveram a missão de convidar as pessoas a tornarem-se Amigos na Demência. Para além deste, outros 20 locais do país acolheram ações semelhantes.

A campanha "Amigos na Demência" assume-se como uma iniciativa positiva e inclusiva, que pretende "demonstrar que é possível viver melhor com demência e que a pessoa é muito mais do que a demência".

Com esta campanha, a Associação pretende também dar resposta aos mais recentes apelos internacionais para que se desenvolvam iniciativas que contribuam para Sociedades Amigas das Pessoas com Demência.


Fonte:

Viva Porto (31 de julho de 2018)



Partilhe esta iniciativa
© Copyright Alzheimer Portugal. Todos os direitos reservados. Developed by Orice Services